• #
  • Imagem de cabeçalho do site da PROGEL

Área de concentração

O programa concentra as atenções em projetos de pesquisa que se interessam prioritariamente pela problemática da linguagem, a partir da área de concentração Literatura e Diversidade Cultural; esta concentração pode ser compreendida como o estudo de textos específicos em suas singularidades, mas sem perder de vista os vínculos com os estudos literários, acionando a conjuntura social, politica e cultural dos fenômenos literários, mobilizando e valorizando a compreensão do local como elemento constituinte do global e, ao mesmo tempo, como reflexo de fatos mais amplos, a partir da compreensão contemporânea sobre os sentidos da produção local, que, por sua vez, produzem elementos capazes de rearticular a produção considerada universal e canônica, autorizando a reavaliação e a relativização destes conceitos. Com isto, postula-se nas pesquisas a reciprocidade entre o geral e o particular e abre-se um viés epistemológico que ultrapassar a xenofobia localista obscurantista, de uma parte, e o etnocentrismo universal arrogante, de outra, substituindo a rigidez da fronteira por um fluido “entre-lugar”. Esta área de concentração promove as questões da diversidade cultural, como forma de perceber a diferença como possibilidade de compreender a identidade do Outro e de redescobrir a identidade do Mesmo, conhecendo limites, redimensionando práticas leitoras e adequando os instrumentos da articulação interdisciplinar da literatura com outras ciências, como a história, a antropologia, a sociologia, a ciência política, e com os outros discursos artísticos: a música, o cinema, as artes plásticas etc.
Recomendar esta página via e-mail: